Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Tropas norte-americanas saem da Síria para o Iraque

Secretário da Defesa dos Estados Unidos afirma que mais de mil militares serão transferidos para evitar o ressurgimento do Daesh.
20 de Outubro de 2019 às 16:58
Tropas norte-americanas na Síri
Tropas norte-americanas na Síri
Tropas norte-americanas na Síri
Tropas norte-americanas na Síri
Tropas norte-americanas na Síri
Tropas norte-americanas na Síri

Cerca de mil militares das tropas norte-americanas vão retirar-se do norte da Síria e serão transferidas para o oeste do Iraque. A garantia é do secretário da Defesa dos Estados Unidos, Mark Esper. 

De acordo com Esper, esta transferência tem como objetivo evitar o ressurgimento do Daesh com missões antiterroristas específicas. 

A retirada destes militares abriu, no entanto, caminho para a ofensiva turca contra os combatentes curdos. Ambos os lados da 'barricada' acusam o outro de violarem o cessar-fogo mediado pelos Estados Unidos. 

Ancara vê uma das milícias proeminentes das forças curdas como terrorista e deseja criar uma "zona segura" dentro da Síria. A Turquia concordou na quinta-feira interromper sua ofensiva até à noite de terça-feira, dando aos combatentes curdos tempo para se retirarem da fronteira.

Porém, este domingo, a Turquia afirmou que um de seus soldados foi morto e outro ferido num ataque curdo perto da cidade síria de Tal Abyad.

Segundo a BBC, há relatos de que os combatentes curdos tenham começado a sair da cidade síria de Ras al-Ain este domingo. Há ainda relatos que dizem que forças turcas se encontram agora no controlo naquela cidade.

Este pode ser o início de uma retirada mais ampla sob o acordo de cessar-fogo declarado pelos EUA.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)