Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Trump critica Harley-Davidson por transferir parte da produção para fora dos EUA

Empresa anunciou decisão devido às tarifas impostas pela União Europeia às motos importadas dos EUA.
26 de Junho de 2018 às 13:15
Harley-Davidson
Harley-Davidson

Donald Trump recorreu ao Twitter para manifestar "surpresa" pela decisão da fabricante icónica de motos de transferir parte da sua produção para fora dos EUA como forma de contornar as tarifas impostas pela UE às importações de motos dos Estados Unidos.

"Surpreendido que a Harley-Davidson, de todas as empresas, seja a primeira a acenar a bandeira branca. Lutei muito por eles e eles não pagarão tarifas por vender para a UE, que nos prejudicou gravemente no comércio, no valor de 151 mil milhões de dólares. As taxas são só uma desculpa para a Harley – sejam pacientes!", escreveu Trump, citado pelo Negócios.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)