Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Trump deseja sorte a ex-diretor do FBI quando for ouvido no Congresso

Comey fala pela primeira vez publicamente depois de ser despedido pelo presidente norte-americano.
Lusa 6 de Junho de 2017 às 21:58
Donald Trump e James Comey
James Comey, Casa Branca, FBI, The New York Times, Senado, Donald Trump, Mark Warner
Donald Trump e James Comey
James Comey, Casa Branca, FBI, The New York Times, Senado, Donald Trump, Mark Warner
Donald Trump e James Comey
James Comey, Casa Branca, FBI, The New York Times, Senado, Donald Trump, Mark Warner
O Presidente norte-americano, Donald Trump, comentou esta terça-feira o depoimento que o ex-diretor do FBI James Comey, por si demitido, fará em breve no Congresso, dizendo: "Desejo-lhe boa sorte".

Trump respondeu assim quando lhe perguntaram se tinha uma mensagem para Comey, no momento em que recebia na Casa Branca os líderes republicanos do Congresso.

James Comey deverá testemunhar na quinta-feira perante a comissão de serviços secretos do Senado, numa audiência marcada para as 10h00.

Será a primeira vez que Comey emitirá comentários públicos desde que foi abruptamente despedido por Trump no mês passado.

Mais ou menos à mesma hora, o chefe de Estado estará a caminho da conferência "Caminho para a Maioridade", da Coligação Fé e Liberdade, estando previsto que discurse perante os conservadores religiosos pelas 12:30.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)