Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
1

Trump nega que as tarifas impostas à China sejam problema e acusa a Fed

O presidente norte-americano tem atacado sucessivamente o banco central, acusando-o de travar o crescimento económico.
Lusa 30 de Agosto de 2019 às 16:49
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
Donald Trump
O Presidente dos Estados Unidos negou esta sexta-feira que as tarifas impostas à China para forçar um acordo comercial representem um problema e acusou o banco central de ser responsável pelo abrandamento da maior economia do mundo.

Numa mensagem na rede social Twitter, Donald Trump acusou a Reserva Federal (Fed, o banco central norte-americano) de colocar problemas à economia por não cortar as taxas de juro.

"Não temos um problema de tarifas (estamos a pôr na ordem maus e/ou injustos jogadores), temos um problema com a Fed. Eles não têm noção do que estão a fazer", afirmou.

Muitas associações setoriais têm alertado o Presidente dos Estados Unidos, nos últimos dias, para os efeitos negativos de tarifas adicionais sobre produtos importados da China, as quais deverão entrar em vigor no domingo.

Donald Trump tem atacado sucessivamente o banco central, acusando-o de travar o crescimento económico.

A Fed anunciou em 31 de julho um corte de um quarto de ponto percentual nas taxas de juro, a primeira descida desde 2008, mas Donald Trump tem reivindicado uma descida mais acentuada.
Donald Trump China Fed economia negócios e finanças macroeconomia banco central
Ver comentários