Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Tubérculo mata crianças

A escola primária de San José, na remota aldeia filipina de Bohol, ainda não se refez do choque. Pelo menos 25 pessoas, na sua maioria crianças entre os sete e os oito anos, morreram e aproximadamente 100 outras estavam ontem hospitalizadas por terem comido ‘cassava’, um tubérculo muito apreciado nas Filipinas, depois de frito e caramelizado.
10 de Março de 2005 às 00:00
As vítimas, entre as quais a senhora que vendeu os ‘cassava’, começaram a sentir-se mal meia hora depois de terem ingerido a tão apreciada guloseima. Queixavam-se de fortes dores no estômago, vómitos e diarreia. A televisão mostrou imagens de pais em pânico nos hospitais locais.
Os médicos adiantam que o tubérculo contém cianeto de potássio e pode causar uma intoxicação fatal se não não for devidamente cozido. Também estava a ser encarada a hipótese de os tubérculos não terem sido bem lavados e a intoxicação ter sido provocada por algum pesticida.
Entre os doentes internados, alguns estavam em estado grave, pelo que o número de vítimas poderá aumentar.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)