Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Turquia congela relações

A Turquia chamou ontem o seu embaixador em Paris e congelou toda a cooperação política e militar com a França, após a aprovação, pelo Parlamento francês, de um projecto-lei que criminaliza a negação do genocídio arménio.
23 de Dezembro de 2011 às 01:00
Imigrantes turcos manifestaram-se junto ao Parlamento francês
Imigrantes turcos manifestaram-se junto ao Parlamento francês FOTO: CHARLES PLATIAU/REUTERS

O primeiro-ministro turco, Tayyip Erdogan, considerou a lei "racista, discriminatória e xenófoba", e afirmou que a sua aprovação "abre feridas difíceis de sarar [nas relações entre os dois países]".

A lei pune com 45 mil euros de multa e um ano de prisão quem negar o genocídio de 1,5 milhões de arménios às mãos das tropas otomanas de 1915 a 1917.

TURQUIA GENOCÍDIO ARMÉNIO FRANÇA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)