Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Turquia emite mandados de detenção contra 105 especialistas em tecnologia

52 dos suspeitos foram já detidos, sob a acusação de prestar apoio técnico aos golpistas.
Lusa 11 de Julho de 2017 às 11:41
Anadolu, Fethullah Gülen, Turquia, Ancara, política
Anadolu, Fethullah Gülen, Turquia, Ancara, política FOTO: Getty
As autoridades turcas emitiram esta terça-feira mandados de detenção contra 105 especialistas em tecnologia de informação, suspeitos de ligação ao golpe militar falhado de julho de 2016, informou a agência noticiosa estatal.

A agência Anadolu afirmou que 52 dos suspeitos, que incluem ex-funcionários do conselho de pesquisa científica da Turquia e da autoridade das telecomunicações, foram já detidos, sob a acusação de prestar apoio técnico aos golpistas.

Ancara decretou o estado de emergência na sequência do golpe militar falhado de julho do ano passado, cuja autoria Ancara atribuiu ao movimento do clérigo Fethullah Gülen.

Desde então, as autoridades turcas detiveram cerca de 50.000 pessoas por alegadas ligações ao grupo e mais de 100.000 funcionários públicos perderam os seus postos de trabalho.

Na passada segunda-feira, iniciou-se uma série de eventos que irão decorrer na Turquia durante a semana em celebração do aniversário do golpe fracassado de 15 de julho de 2016, na qual se relembra a morte de 250 pessoas nos confrontos.
Anadolu Fethullah Gülen Turquia Ancara política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)