Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

UE pede à Rússia para não tentar destabilizar Ucrânia

A representante da diplomacia europeia pediu ainda às autoridades ucranianas para que continuem a mostrar contenção nas operações para restabelecer a sua autoridade.
13 de Abril de 2014 às 15:36
Representante da diplomacia europeia, Catherine Ashton
Representante da diplomacia europeia, Catherine Ashton FOTO: EPA

Em comunicado, a representante da diplomacia europeia, Catherine Ashton, manifestou-se "seriamente preocupada com as ações dos homens armados e dos grupos separatistas em várias cidades na zona Este da Ucrânia".

Ashton pediu novamente à Rússia para "respeitar a integridade territorial do país", para "retirar as suas tropas de junto da fronteira e para cessar qualquer operação que vise desestabilizar a Ucrânia".

Além disso, a responsável europeia apelou às autoridades ucranianas para que continuem a mostrar "contenção nas operações realizadas para restabelecer a sua autoridade".

Bruxelas Bélgica União Europeia Rússia desestabilização Ucrânia diplomacia europeia Catherine Ashton
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)