Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Uganda: Manifestantes pedem pena de morte para gays

Milhares de pessoas manifestaram-se esta terça-feira na cidade de Jinja, em Uganda, em apoio a um projecto-lei do governo do país que prevê a pena de morte para "homossexualidade agravada".
16 de Fevereiro de 2010 às 17:40
Milhares saíram às ruas
Milhares saíram às ruas FOTO: James Akena/Reuters

O protesto, organizado pelo 'Movimento Internacional contra a Homossexualidade no Uganda', reuniu entre 25 a 30 mil pessoas. Na capital, Kampala, a polícia proibiu uma marcha com o mesmo propósito.

Nos cartazes podiam-se ler frases como "Não à sodomia, sim à família" ou "Homossexualidade deve ser abolida".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)