Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Um milhão de baratas escapa de quinta

Insetos destinavam-se à medicina tradicional.
27 de Agosto de 2013 às 12:59
Baratas são utilizadas pelos chineses para combater o cancro
Baratas são utilizadas pelos chineses para combater o cancro FOTO: Getty Images/ParkerDeen
Um milhão de baratas fugiu de uma quinta, na província oriental de Jiangsu, na China, onde estavam a ser criadas para fins medicinais. Os insetos terão escapado depois de um assaltante, cuja identidade ainda não é conhecida, destruir a estufa de plástico onde se estava a fazer a criação.

As autoridades já enviaram cinco especialistas para a zona com o objetivo de acabar com as baratas. Apesar de geralmente se considerar que uma grande quantidade destes insetos pode ser denominada de praga, os amantes da medicina tradicional chinesa utilizam baratas para tratar doenças como o cancro, inflamações e até melhorar a imunidade de plantas e animais.

Wang Pengsheng, dono da quinta, tinha investido cem mil yuan (cerca de 13 mil euros) em 102 quilos de ovos de baratas. O proprietário esperava lucros de mil yuan (cerca de 122 euros) por cada quilo de insetos vendido. Os animais eram alimentados, todos os dias, com fruta e biscoitos.
China um milhão de baratas fuga quinta insetos medicina tradicional chinesa
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)