Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Uma pessoa é assassinada a cada nove minutos no Brasil

Morre mais gente assassinada neste país que na sangrenta Síria.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 28 de Outubro de 2016 às 13:01
Brasil, Fórum Nacional de Segurança Pública, Síria, questões sociais, limpeza de guerra, política
Brasil, Fórum Nacional de Segurança Pública, Síria, questões sociais, limpeza de guerra, política FOTO: Getty Images

A cada nove minutos, uma pessoa é assassinada no Brasil, numa matança silenciosa cujos números superam muitas guerras civis e entre países. Os dados foram divulgados esta sexta-feira pelo Fórum Nacional de Segurança Pública, que monitoriza os crimes intencionais naquele país e referem-se ao ano de 2015.

De janeiro a dezembro do ano passado, foram mortas intencionalmente em todo o Brasil 58.383 pessoas. Isso dá o impressionante e dramático número de quase 160 pessoas executadas no país num único dia, todos os dias.

O número de homicídios no Brasil, um país que não está em guerra com nenhum vizinho e onde não existe nenhum conflito interno, superam até os da Síria, país destroçado por uma sangrenta guerra civil. De janeiro de 2011 a dezembro de 2015, segundo os dados divulgados pela mesma fonte, foram executadas no Brasil 278.839 pessoas, enquanto na Síria, onde há uso de bombas devastadoras, meios aéreos e outras armas de guerra, no mesmo periodo morreram 256.124.

No Brasil, outro foco de brutalidade é a ação policial, cada vez mais letal e, em muitos casos, desnecessariamente. No ano passado, as diversas polícias que existem no Brasil mataram em supostos confrontos quase 3300 pessoas, o que dá uma média de nove pessoas abatidas a cada 24 horas pelas forças de segurança, muitas delas, verificou-se depois, inocentes.
Brasil Fórum Nacional de Segurança Pública Síria questões sociais limpeza de guerra política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)