Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Desapareceu lancha com 32 pessoas venezuelanas que fugiam da crise para o Curaçau

Alerta foi dado na segunda-feira pelo deputado da Assembleia Nacional Luís Stefanelli.
Lusa 12 de Junho de 2019 às 01:31
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela
Crise na Venezuela

Uma lancha que transportava 32 venezuelanos está desaparecida desde a passada sexta-feira, dia em que partiu desde a povoação de Aguide, no estado de Falcón (centro-norte do país), em direção ao Curaçau.

O alerta foi dado na segunda-feira pelo deputado da Assembleia Nacional Luís Stefanelli, que instou as autoridades venezuelanas a ativarem uma operação de busca pelos desaparecidos, que fugiam da crise política, económica e social na Venezuela.

"Alertamos o país sobre a desaparecimento de uma lancha rápida que partiu na passada sexta-feira desde a povoação de Aguide, município de San Francisco, no estado de Falcón (centro-norte do país), em direção ao Curaçau", disse aos jornalistas.

Segundo o deputado, a lancha partiu com 32 pessoas a bordo, entre elas uma criança que ia acompanhada pelos pais.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)