Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
4

Vive com esqueleto do filho durante vinte anos

Mulher é cega e não sabia que jovem, dado como desaparecido, estava em casa.
28 de Setembro de 2016 às 19:41
Corpo estaria em casa há 20 anos
Corpo estaria em casa há 20 anos FOTO: Google Maps
Os restos mortais de um jovem dado como desaparecido há 20 anos foram encontrados na casa que dividia com a mãe cega. A mulher é uma "acumuladora" e vive com a casa repleta de lixo, não sabendo, por isso, que o corpo do filho ali estaria. O insólito ocorreu em Brooklyn é contado pelo New York Post.

A descoberta foi feita pela cunhada de Rita Wolfensohn quando foi buscar a mulher para a levar ao hospital. Encontrou o corpo deitado num colchão, ainda com calças e uma t-shirt vestida.

O homem – com 29 anos na altura do desaparecimento – estaria há duas décadas numa divisão da casa coberta de "lixo e teias de aranha". Questionada pela polícia, a mãe disse que o filho tinha "mudado de casa".

Os restos mortais foram levados pelas autoridades para investigação e confirmação da identidade da vítima.
Brooklyn Rita Wolfensohn desaparecimento filho
Ver comentários