Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Vulcão do Fogo continua em 'lume brando'

Lava mantém um avanço lento.
6 de Dezembro de 2014 às 12:42
As erupções vulcânicas iniciaram-se há 14 dias e a frente de lava já consumiu a parte central do planalto de Chã das Caldeiras
As erupções vulcânicas iniciaram-se há 14 dias e a frente de lava já consumiu a parte central do planalto de Chã das Caldeiras FOTO: João Relvas/Lusa

A atividade vulcânica na ilha cabo-verdiana do Fogo continua em 'lume brando', com a lava a manter um avanço 'lento' em direção a Portela, cuja parte norte já foi destruída, disse este sábado à agência Lusa fonte oficial.

Segundo o responsável máximo da Proteção Civil cabo-verdiana no terreno, Jair Rodrigues, a nova frente de lava, que surgiu quinta-feira e é paralela à que destruiu o lado norte de Chã das Caldeiras, está a avançar no que resta da estrada que ligava a entrada do Parque Natural do Fogo, passando pela sede da própria instituição, já soterrada, a Portela.

"Está a avançar de forma lenta. Há dois dias, a frente estava a cerca de 500 metros da primeira casa, ontem (sexta-feira) estava a menos de 300 e hoje, pela manhã, estava a 100 metros", explicou Jair Rodrigues à Lusa, adiantando que o vulcão mantém uma atividade "mais ou menos constante" nos últimos dois dias.

As erupções vulcânicas iniciaram-se há 14 dias e a frente de lava já consumiu a parte central do planalto de Chã das Caldeiras, que serve de base aos vários cones do vulcão, obrigando à retirada das quase 1.500 pessoas residentes em Portela e Bangaeira, as duas localidades na área.



Fogo Proteção Civil Jair Rodrigues Parque Natural do Fogo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)