Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Xilai expulso da liderança chinesa

O Comité Central do PC da China formalizou ontem a expulsão do ex- -dirigente Bo Xilai, protagonista do maior escândalo da política chinesa em muitas décadas. A decisão integra-se numa onda de purgas paralela à renovação de lideranças que será ditada a partir do próximo dia 8 no XVIII congresso do partido.
5 de Novembro de 2012 às 01:00
Xilai com a mulher, Gu Kailai, condenada por homicídio
Xilai com a mulher, Gu Kailai, condenada por homicídio FOTO: Stringer/Reuters

A expulsão de Xilai tinha sido anunciada no final de Setembro pelo Politburo (integrado por 25 elementos), mas só agora foi tornada efectiva, uma semana após o início de uma investigação penal contra o antigo secretário-geral do PC em Chongqing. Os crimes que lhe são imputados são abuso de poder, corrupção e ainda relações "impróprias" com diversas mulheres. Recorde-se que a esposa de Xilai, Gu Kailai, foi em Agosto condenada à morte, com pena suspensa (que equivale a pisão perpétua) pelo homicídio do britânico Neil Heywood.

A expulsão tem lugar em vésperas de um congresso que ditará o fim da presidência de Hu Jintao (o mandato termina em Março de 2013) e a sua presumível substituição pelo vice-presidente da China, Xi Jinping, ele também associado a um escândalo (ver caixa).

OS ESCÂNDALOS MILIONÁRIOS DOS COMUNISTAS

A renovação nas cúpulas do poder na China, a decidir na próxima semana, não faz esquecer os escândalos associados às fortunas de Xi Jinping, sucessor designado do presidente Hu Jintao, e do primeiro--ministro, Wen Jiabao.

Em Junho, o site da Bloomberg revelou informações sobre os milhões de euros arrecadados pela família de Jinping, notícia que foi censurada na internet da China. O mesmo destino teve, em Outubro, a informação do ‘The New York Times’ sobre os dois mil milhões de euros da fortuna de Jiabao.

CHINA CORRUPÇÃO HOMICÍDIO PRISÃO
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)