Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Zardari recusa negociar com talibãs

O presidente paquistanês, Asif Ali Zardari, afirmou que o Paquistão “não negociará com os talibãs, nem agora, nem no futuro, nem diminuirá a luta contra o terrorismo”.
4 de Março de 2009 às 09:46

“Se perdermos, o mundo também perde e não temos o direito de fracassar”, escreve Zardari num artigo publicado esta quarta-feira na edição online do jornal 'Wall Street Journal', onde frisa: “É uma luta existencial”.

Este artigo aparece publicado um dia após o ataque contra a equipa de críquete do Sri Lanka que vitimou 8 pessoas no Paquistão.

 

“O ataque de terça-feira mostra bem com que espécie de mal estamos confrontados”, diz Zardari.

 

Continuam as buscas aos 12 homens que, na segunda maior cidade do Paquistão, Lahore, mataram 6 polícias, 2 civis e feriram 7 jogadores da equipa do Sri Lanka.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)