Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo

ZIMBABUÉ: DIRIGENTES SINDICAIS DETIDOS

A polícia de intervenção do Zimbabué deteve os lideres dos principais sindicatos e dezenas de activistas dos direitos humanos em todo o país, esta terça-feira, enquanto participavam em marchas de protesto contra a crise económica que afecta todo o território.
18 de Novembro de 2003 às 21:21
Segundo o último balanço avançado pelos sindicatos, a polícia deteve cerca de 360 pessoas em Harare, capital do país, e noutras cidades. Estes dados não foram ainda confirmados por fontes independentes ou pelas autoridades locais.
Os sindicalistas têm lançado fortes protestos contra os frequentes aumentos dos preços dos combustíveis, numa altura em que o governo do presidente Robert MUgabe se debate com as baixas nas trocas com o estrangeiro e a falta de dinheiro corrente no país. O Zimbabué debate-se ainda com grandes percentagens de desemprego e uma das maiores taxas mundiais de inflação.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)