Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Rodrigues

Bilhete Postal

Impressiona a força com que o Papa Francisco se confessa envergonhado.

Carlos Rodrigues(carlosrodrigues@cmjornal.pt) 7 de Outubro de 2021 às 00:32
Impressionam os números, impressiona a dimensão da dor, mais de 210 mil crianças vítimas de abusos nos últimos 70 anos, só na Igreja francesa. Impressiona a força com que o Papa Francisco se confessa envergonhado.

A dimensão do horror, os detalhes dos abusos que agora são descobertos, os traumas deixados em milhares de vítimas – tudo isto é de tal forma avassalador que parece atirar o drama para uma dimensão abstrata.

Mas não, infelizmente não, trata-se de revelações muito concretas e horrorosas.

O esforço para descobrir e revelar a verdade dos abusos à sombra da Igreja é, em muitos casos, a homenagem possível a quem tudo perdeu, a quem tudo deixou para trás.

Que as forças não faltem ao Papa Francisco no combate - e na punição que ainda for possível - aos responsáveis por esta realidade infernal.
Postal Igreja política questões sociais maus-tratos
Ver comentários