Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Rodrigues

Bilhete Postal

O problema é que muitos dos líderes da Igreja abafaram no passado os escândalos que agora são revelados.

Carlos Rodrigues(carlosrodrigues@cmjornal.pt) 3 de Outubro de 2022 às 00:33
D. José Ornelas, o bispo dos bispos portugueses, decidiu quebrar o silêncio e falar a todos os crentes através do CM e da CMTV. Disse uma verdade simples e cristalina. Eis a síntese: há pedófilos na Igreja, mas a Igreja não é pedófila. O facto indesmentível de haver padres abusadores não cria nenhuma culpa coletiva de toda a instituição.

O problema é que muitos dos líderes da Igreja abafaram no passado os escândalos que agora são revelados. Ora, a Igreja tem obrigação de entregar à Justiça os abusadores, mas também quem os protegeu no passado. O padre que abusava de crianças no confessionário, o bispo timorense que enganou meio mundo, mas também D. José Ornelas e o cardeal Clemente - todos eles fazem parte do problema reputacional da Igreja, naturalmente com diferentes níveis de culpa.
bilhete postal
Ver comentários