Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
1
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

António Sousa Homem

Memória de um coleccionador falhado

A nós, portugueses, salva-nos a nossa habitual lassidão.

António Sousa Homem 7 de Março de 2021 às 00:30
Os coleccionadores são almas abnegadas e absurdas, capazes de cometer um homicídio – suponho que num exercício de pura imaginação, naturalmente – a fim de poderem acrescentar mais um objecto à sua colecção. Dito de outra forma, é uma segunda profissão. A nós, portugueses, salvam-nos a nossa habitual lassidão, a preguiça e algum espírito prático, coisas que, involuntariamente, impediram que coleccionadores obstinados consumassem a reunião de séries completas de selos de moinhos de vento ou alfaias agrícolas, estatuetas de corujas em porcelana, carimbos dos Correios e Telégrafos ou chávenas de café.

O velho Doutor Homem, meu pai, achava que o mundo estava, por isso, bem feito: cada deplorável defeito lusitano impedia um português de proceder a realizações insanas e ainda mais deploráveis. Seria por esse motivo, acrescentava, que ainda existia país, ainda existiam alfaiates nos Clérigos, ainda existiam chapelarias em Guimarães, ainda existiam bosques no sopé das montanhas. E, acrescento eu, passados anos, ainda existe uma praia ignorada, como a que serve este eremitério de Moledo – se bem que os nevoeiros contumazes, a ventania do final da tarde e a temperatura desafiadora das suas águas tenham desempenhado um papel importante diante da concorrência do Algarve ou das areias das Caraíbas.

Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso sem limites em todos os dispositivos Assinatura válida na APP Correio da Manhã Newsletters exclusivas E-paper antecipado no Quiosque Ofertas e descontos do Clube CM+
Assine já! 1€ no 1º mês
Doutor Homem Correios Telégrafos artes cultura e entretenimento questões sociais estilo de vida e lazer idioma
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
CM+
O Correio da Manhã para quem quer MAIS conteúdos e vantagens
Assine já 1 mês/1€
  • Todo o conteúdo exclusivo sem limites nem restrições.
  • Acesso a qualquer hora no site ou nas apps.
  • Acesso à versão do epaper na noite anterior.
  • Clube CM+ com vantagens e ofertas só para assinantes