Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Armando Esteves Pereira

A fatura da Banca

A Banca somou milhões de lucros e pagou poucos impostos.

Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 15 de Dezembro de 2015 às 00:30
Durante duas décadas, a Banca somou milhões de lucros e pagou poucos impostos. Foi dinheiro fácil com a explosão do crédito e a valorização do imobiliário. Os banqueiros conseguiram, nessa era de vacas gordas, um verdadeiro offshore de regalias com salários milionários e reformas obscenas.

Mas, na hora da fatura, quem paga são os bancários e os contribuintes. A primeira conta foi do BPN nacionalizado, que ultrapassa já sete mil milhões.

Depois deste caso de polícia, no BES evitou-se a nacionalização, mas há 3,9 mil milhões de empréstimo público. Agora resta saber o que acontece ao Banif, onde há 825 milhões dos nossos impostos.
Armando Esteves Pereira opinião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)