Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Armando Esteves Pereira

Enredo de Tsipras

O discurso precisa de novos enredos e Tsipras dispara contra os aliados da Alemanha no Sul: Portugal e Espanha.

Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 2 de Março de 2015 às 00:30

A vitória do Syriza abalou a Europa, mas, entre as promessas da revolução das cerejas e a necessidade de euros para governar a Grécia, Tsipras e Varoufakis tiveram de recuar. Apesar de algumas mudanças semânticas, Atenas capitulou na primeira batalha para prolongar o empréstimo. Num país onde persiste a memória da brutal ocupação alemã durante a Segunda Guerra Mundial, é fácil culpar os invasores que não pagaram as suas dívidas e agora são os maiores credores. O discurso precisa de novos enredos e Tsipras dispara contra os aliados da Alemanha no Sul: Portugal e Espanha. Política pura de um governo que sabe que não vai cumprir as promessas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)