Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Anjos

Acidente de trabalho

Nem deveria ser necessário litigar contra a seguradora.

Carlos Anjos 28 de Agosto de 2020 às 00:30
O marido da empregada do lar de Reguengos, vítima mortal de Covid-19, perguntou se tinha direito a uma indemnização, uma vez que a morte resultou de uma infeção contraída no local de trabalho.

Rapidamente, o presidente da direção do lar veio esclarecer que o óbito da funcionária foi participado à companhia de seguros, tendo sido perguntado se aquela morte podia ser considerada acidente de trabalho.



Reguengos Covid-19 trabalho economia negócios e finanças questões sociais morte seguro de saúde
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas
}