Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
6 de Outubro de 2021 às 00:33
Nota-se uma certa intranquilidade no Presidente da República. Marcelo gosta de determinar o rumo do destino, e abomina os momentos em que não controla todos os fatores. Ora, neste momento, o chefe do Estado não controla todos os fatores.

Vamos por partes: primeiro, o ciclo eleitoral. Ainda ninguém sabe quais os efeitos das autárquicas nos partidos, e o Presidente vem insistindo há anos que o sistema precisa de alternativa. No fundo, o cidadão Marcelo desconfia de Rio, e agora está com receio que ele venha a ser o futuro.

Pior é a incerteza sobre a economia. Foi bem visível na entrevista à TVI o desconforto presidencial com o aproveitamento partidário da bazuca, feito por Costa na campanha.

O fantasma de mais uma "oportunidade perdida", como Marcelo lhe chamou no discurso de ontem, paira por todo o lado.
Postal Presidente Marcelo política eleições
Ver comentários