Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
5
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Carlos Rodrigues

A próxima grafia

Oficializada a nova grafia, é hora de pensar a próxima grafia.

Carlos Rodrigues(carlosrodrigues@cmjornal.pt) 14 de Maio de 2015 às 00:30

Oficializada a nova grafia, é hora de pensar a próxima grafia. A polémica sobre as consoantes mudas acabará por morrer de morte natural. ‘Óptimo’ será a prazo um fóssil equivalente aos advérbios de modo acentuados. A língua é do povo, não só de académicos, escritores ou jornalistas.

No Brasil, já há quem fale no fim do agá mudo, e será cada vez mais difícil ignorar a revolução testada diariamente na net e nos telemóveis.

Para já, que tal acabar com a expressão ‘escrito com a antiga grafia’, que pulula por aí e que espalha junto dos mais novos a ideia de que a linguagem escrita e impressa, além de desatualizada, é velha e inútil?

Brasil ciência e tecnologia próxima grafia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)