Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Edgardo Pacheco

Vamos dar um passeio às garrafeiras

Comprar em garrafeiras de bairro é também uma maneira de dinamizar o comércio tradicional.

Edgardo Pacheco 29 de Dezembro de 2017 às 00:30
Em vésperas do último grande jantar do ano coloca-se sempre a questão de saber que espumante comprar para abrir à meia-noite do dia 31. Este é um ritual que, infelizmente, revela uma relação muito conservadora dos portugueses com este tipo de vinho. Sim, porque o espumante é – convém recordar – um vinho como outro qualquer. Distingue-se apenas pelo facto de a segunda fermentação libertar as bolhinhas que tanto apreciamos.

Sucede que um espumante não deveria ser apenas um vinho de Passagem de Ano ou de aniversário. Um espumante é um vinho tão rico que serve como companhia na entrada da refeição, no acompanhamento de pratos principais e, claro, nas sobremesas. A única questão que deveremos ter em conta é adequar o espumante (em termos de açúcar residual) a cada prato.

Ainda por cima, a oferta de gastronomias internacionais e um clima que teima em dividir-se em nove meses de verão e três de outono são condições interessantes para bebermos espumante com muito maior regularidade.

Seja como for, tendo em conta que nem sempre é fácil sabermos que espumante escolher, um passeio por uma garrafeira de bairro pode ser uma boa solução. É que nestes espaços há cada vez mais profissionais com curso de escanção. São eles que poderão falar do diversificado perfil dos espumantes da Bairrada (coisas clássicas com a colaboração de castas estrangeiras e a nova categoria Baga/Bairrada), das coisas muito elegantes com a marca Murganheira ou Vértice ou de outros vinhos que se fazem do Minho ao Alentejo.

São eles que podem indicar qual o melhor vinho para uns canapés, qual a solução para o bom do peru e, claro, o espumante menos bruto para toda a família de bolos e pudins que rematam a cerimónia.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)