Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Cintra Torres

Servir-se da Selecção

Nós damo-vos tudo, amor e gritos, vocemecês dêem-nos vitórias.

Eduardo Cintra Torres 29 de Maio de 2016 às 01:45
Pedro Abrunhosa disse na TVI que a Federação lhe encomendou um cântico não marcial, o que se percebe, pois, para isso, já temos o hino.

Vai daí, pegou num êxito com 22 anos, ‘Tudo o que Eu Te Dou’, adaptando-o à emoção do momento: nós damo-vos tudo, amor e gritos, vocemecês dêem-nos vitórias. Esta falta de criatividade deveria ir a tribunal.

No ‘Jornal das 8’, que às sextas é um jornal feito num oito, Abrunhosa cantou com a voz que lhe sobra e um coro que nos representava a todos, como ele disse.

A realização não ligou ao coro, excepto quando se lhe juntaram jornalistas da TVI, todos de cachecol: então, mostrou cada um em grande plano. Como quem diz: isto é que interessa. Jornalismo empenhado e com entretenimento. Ao serviço da casa.
Pedro Abrunhosa TVI FPF seleção nacional futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)