Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernando Calado Rodrigues

Vaticano e os pobres

Em Roma estudou-se o impacto dos investimentos na pobreza.

Fernando Calado Rodrigues 1 de Julho de 2016 às 00:30
O Papa Francisco dedica aos mais pobres uma atenção privilegiada. Na Evangelii Gaudium, escreveu: "O Papa ama a todos, ricos e pobres, mas tem a obrigação, em nome de Cristo, de lembrar que os ricos devem ajudar os pobres, respeitá-los e promovê-los" (nº 58).

No mesmo texto, adverte que "o crescimento equitativo exige algo mais do que o crescimento económico, embora o pressuponha – requer decisões, programas, mecanismos e processos especificamente orientados para uma melhor distribuição dos rendimentos, para a criação de oportunidades de trabalho, para uma promoção integral dos pobres que supere o mero assistencialismo".

Em sintonia com o Papa, o Pontifício Conselho Justiça e Paz promoveu, em 2014, um congresso para refletir sobre o investimento ao serviço do bem comum, na linha da Evangelii Gaudium. "A solidariedade com os pobres e com os excluídos estimulou-vos a refletir sobre uma forma emergente de investimento responsável, conhecida como Impact Investing", disse então o Papa aos congressistas. E desafiou-os a "estudar formas inovadoras de investimento, que possam proporcionar benefícios às comunidades locais e ao ambiente circunstante".

Durante esta semana, reuniram-se no Vaticano académicos, políticos e clérigos para estudar o impacto dos investimentos no combate à pobreza. Este ano pretende-se aprofundar "como a Igreja Católica e outras instituições religiosas podem canalizar o resultado dos investimentos para sustentar a sua própria missão social". E, também, como "desenvolver estratégias para captar investimentos privados em ordem a servir os mais pobres e os mais vulneráveis", disse o cardeal Peter Turkson, presidente da Justiça e Paz.

É importante que a Igreja, em relação à pobreza, vá vencendo a tentação do "mero assistencialismo". E que saiba encontrar novas formas para financiar e gerir a luta contra as suas causas estruturais.
Papa Francisco Evangelii Gaudium Pontifício Conselho Justiça e Paz Vaticano assistência social religião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)