Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Fernando Ilharco

Comida por perto

Comida à vista, sobretudo de que gostemos, traz boa disposição.

Fernando Ilharco 28 de Janeiro de 2017 às 00:30
Se numa reunião ou encontro quer criar bom ambiente e influenciar ou impressionar alguém, então tenha comida por perto. Junto com o café, a água ou o chá, tenha também umas bolachas, uns bombons, uns aperitivos variados. E há também a artilharia pesada, claro. Um almoço para debater o assunto, um almoço de trabalho, umas sanduíches, ou um cocktail com variedade e quantidade para assinalar o lançamento disto ou daquilo ou para celebrar esta ou aquela marca.

A vida social e as reuniões tendem a correr melhor se houver comida para ser partilhada. Talvez não haja nada de mais instintivo na experiência de milhões de anos de vida do que a segurança, a sobrevivência, o bem-estar e o amanhã garantidos pela alimentação. "Pão é amor entre estranhos", escreveu a brasileira Clarice Lispector.
Clarice Lispector economia negócios e finanças política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)