Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Francisco José Viegas

Blog

Passaram-se dias e os habituais moralistas de opereta ainda não apareceram em espasmos, a palrar nos seus espaços de comentário televisivo, ou a mostrarem-se um nadinha surpreendidos.

Francisco José Viegas 19 de Março de 2015 às 00:30

Não falo de escândalo, que é o estado natural dos patetas, nem de indignação, que é uma ocupação muito disputada – mas de uma simples e modesta admoestação pública ao advogado de José Sócrates depois de este ter insultado de forma soez uma repórter deste jornal. Compreende-se, coisa de homem. Deve ser pela personagem piadética em questão – entre machos apreciam muito a ordinarice. Os outros jornalistas até aceitam que os seus jornais, depois de alimentarem a fornalha, reduzam a decisão do Supremo a um retângulo ao fundo da página. Mas quanto ao insulto, caladinhos, bem mandados. Já agora: a Ordem dos Advogados acha bem?

Citação do dia

O Estado pesa menos porque foi amputado, mas continua obeso. O FMI tem razão

Armando Esteves Pereira, ontem, no CM

Sugestão do dia

O museu do Bardo, em Tunes, tem coleções invejáveis de Roma, Grécia e Islão. Há um painel de Ulysses belíssimo. Os bandidos do Estado Islâmico não se amedrontam com o passado. O seu deus só se sacia com a morte e a vingança.

Ver comentários