Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
9
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Francisco José Viegas

Sun Tzu em Atacama

Defesa chilena não é a cordilheira dos Andes. Parece o deserto de Atacama.

Francisco José Viegas 28 de Junho de 2017 às 00:30
Afinal é contra o Chile – Alemanha e México são adversários ao nosso alcance. Fernando Santos viu bem o problema e disse-o ontem: são duas equipas manhosas e cheias de artifícios, capazes de sacrifícios brutais, tanto como de manobras táticas cheias de espiritualidade.

Mesmo que Pepe, Bernardo e Raphael não joguem, há peças suficientes para executar o baile; assim a música seja a mais apropriada.

Arturo Vidal e Alexis Sánchez podem dar a volta ao jogo (quem não gosta de os ver jogar?) mas a defesa chilena não tem nada a ver com a cordilheira dos Andes; pelo contrário, parece o deserto de Atacama.

Ocasião para uma frase de Sun Tzu: "Se o inimigo deixa uma porta aberta, precipitemo-nos por ela." Ouviste, Santos?
Francisco José Viegas opinião
Ver comentários