Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
1
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Joana Amaral Dias

O diabo está na conta

Negócios, negócios, nação à parte. Geringonça, cala e come.

Joana Amaral Dias 2 de Dezembro de 2017 às 00:30
Custa pagar a electricidade no fim do mês, não custa? Ah pois dói. Não admira: os portugueses são os que mais pagam pela energia na UE e por isso, num país europeu quente, ainda se morre de frio.

Supostamente privatizou-se porque o público é mau gestor mas na EDP continua a mandar o Estado. Só não é o Estado português - é Trump, a sua matilha radical, o Estado norte-americano, bem como Xi Jinping e Estado/Partido Comunista Chinês. E são esses países estrangeiros que mandam no Governo português.

Por isso, a factura continua alta, os lucros da eléctrica continuam a ser milionários, os salários dos seus gestores continuam excêntricos e, cereja no topo do bolo, os nossos impostos continuam a pagar-lhes subsídios, rendas injustificáveis posto que, por exemplo, se se vendesse em Portugal energia ao preço médio que se pratica noutros países (e não ao preço subsidiado) nós, os consumidores, pagaríamos menos 400 milhões de euros/ano. Aliás, foi isto que o PS recusou neste Orçamento.

Enfim, e para que não reste sombra de dúvida, as privatizações serviram para isto: continuar a fazer dos contribuintes e do Estado a vaca leiteira e retirar-lhes qualquer comando estratégico do País. Negócios, negócios, nação à parte.

Geringonça, cala e come.
Joana Amaral Dias. opinião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)