Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

João Pereira Coutinho

Donos que ladram

Para certos casos, é trela nos cães e açaime nos donos.

João Pereira Coutinho 29 de Abril de 2017 às 00:30
Gosto de animais. Em certos contextos, a companhia de um cão (ou de um gato) pode ser preferível à presença de certos símios bípedes. O problema são alguns donos que têm cérebros mais pequenos do que o animal.

Na semana em que uma criança foi desfigurada por um rottweiler, assisti a um espectáculo exemplar: um casal passeava com a filha pequena na rua. Um mastim sem trela correu para a criança. O pai, instintivamente, pegou-a ao colo. O dono repreendeu o pai por se assustar com a sua fada quadrúpede. O pai lembrou a palavra ‘trela’. O dono respondeu com insultos e seguiu caminho.

É um clássico: para certos donos, a humanidade circundante deve partilhar o mesmo amor que eles sentem pelos seus bichos. Não sei que tipo de disfunção mental convida a tal ‘raciocínio’ (digamos assim). Mas sei que a lei devia ser ajustada para estes casos: trela nos cães, açaime nos donos.
interesse humano animais questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)