Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
5
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

João Pereira Coutinho

Guerra Civil

Sócrates vai transformar o caso judicial em briga de feira.

João Pereira Coutinho 28 de Novembro de 2014 às 00:30

Pobre António Costa. O homem ainda tentou, com a delicadeza possível, proteger a rosa do lodaçal socrático. Sem sucesso. Com Sócrates na cadeia, uma parte do partido parece mais interessada em imolar-se com ele.

Deixemos de lado personagens menores (como Soares - filho) ou casos perdidos (como Soares - pai). O próprio Sócrates, em comunicado para os jornais, resumiu e repetiu o que os seus fanáticos espalham por aí: a Justiça, a direita, o jornalismo e talvez o Rato Mickey explicam a sua prisão. E conclui, em tom de ameaça: "este processo só agora começou." Tradução?

Sócrates fará o que melhor sabe: transformar o seu caso judicial numa briga de feira. E, pelo caminho, arregimentar os seus exércitos contra o Estado de Direito. António Costa pode ‘distanciar-se’ desta guerra civil. Não chega. Se ele não desparasitar a liderança do PS de heranças socráticas, isso será o seu fim. 

António Costa Sócrates Rato Mickey PS eleições eleições política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)