Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
2
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Leonardo Ralha

E se fosse consigo?

SIC encena situações-limite com atores para pôr pessoas à prova.

Leonardo Ralha 12 de Junho de 2016 às 00:29
Um homem pergunta a outro porque não ajuda uma tartaruga no meio do deserto, vendo que o animal é incapaz de virar-se e está a ser cozinhado vivo. É uma pergunta hipotética. Nenhum dos homens está no deserto, e aquele a quem cabe responder nunca viu uma tartaruga. E nem sequer é humano.

A pergunta ocorre numa cena de ‘Blade Runner - Perigo Iminente’, e demonstra o teste Voight-Kampff, que no filme de ficção científica permitia distinguir entre humanos e replicantes. Se os androides eram incapazes de sentir empatia, isso permitia detetá-los - e eliminá-los.

Algo muito parecido com a imaginação do escritor Philip K. Dick tem passado na televisão portuguesa, embora no ‘E Se Fosse Consigo?’ a SIC encene situações- -limite com atores para pôr transeuntes à prova. Assim se viu que alguns testemunham uma situação de violência doméstica sem intervirem.

Só se espanta quem não saiba que a inspiração para o Voight-Kampff foram relatórios de soldados nazis na Polónia. Nenhum deles replicante, por sinal.
Runner Perigo Iminente Philip K. Dick E Se Fosse Consigo SIC
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)