Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Miguel Alexandre Ganhão

Amiga de Passos castigada por lista VIP

Funcionária da repartição da Amadora que consultou dados do primeiro-ministro foi chamada a depor logo no mês de novembro.

Miguel Alexandre Ganhão(miguelganhao@cmjornal.pt) 28 de Maio de 2015 às 00:30
O relatório da Inspeção-Geral de Finanças (IGF) sobre a Lista VIP quis colocar um ponto final na polémica sobre o tratamento fiscal dos dados dos contribuintes, mas revelou um autêntico pesadelo. Pelo menos quatro dirigentes da Autoridade Tributária (AT), entre eles o anterior presidente e o subdiretor-geral, terão cometido atos ilícitos e devem ser sujeitos a processos disciplinares.

Além disso, centenas de funcionários estão a ser chamados pela auditoria interna, para justificarem consultas a contribuintes realizadas em consequência das suas naturais funções de fiscalização.

A própria funcionária da repartição de Finanças Amadora-2, que atendeu a um pedido do próprio primeiro-ministro para verificar se tudo estava bem com o seu IRS, foi imediatamente chamada em novembro para justificar esta consulta.

Aliás, os dois únicos funcionários que acederam aos dados fiscais de Passos Coelho já foram ouvidos pelos serviços de auditoria e os respetivos processos disciplinares estão a seguir o seu caminho.

Mais grave é a constatação de que pelo menos 28 senhas que dão acesso às bases de dados do Fisco não se sabe a quem pertencem. É tempo de rever quem são as empresas externas que trabalham para a AT, quais são os seus privilégios e quem empregam ao seu serviço. Um episódio ocorrido em 2011 deveria ter dado o alerta. Num fim de semana, dois funcionários de uma empresa privada apresentaram-se nas instalações da Direção Distrital de Finanças de Lisboa para fazerem a manutenção dos servidores. A empresa acabou por fechar sem deixar qualquer rasto.

De roupão em S. Bento até ao conselho diretor de Bilderberg
Poucos conhecem o episódio de Durão Barroso em roupão, nas escadarias de S. Bento a meio da noite, a receber um telefonema de Frank Carlucci comunicando a necessidade de uma Cimeira nas Lages, antes da invasão do Iraque. O encontro de Durão, Aznar, Blair e Bush deu um contributo decisivo para que o ex-presidente da Comissão Europeia fosse agora nomeado por Balsemão para a direção do famoso Grupo de Bilderberg.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)