Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Octávio Ribeiro

O fim pode esperar

Nos debates, Costa encarna o único homem de Estado.

Octávio Ribeiro(octavioribeiro@cmjornal.pt) 9 de Janeiro de 2022 às 00:32
Ao contrário do que aqui previ há duas semanas, as notícias sobre a derrota eleitoral de Costa foram manifestamente exageradas (numa paráfrase em voga ao humor com que Mark Twain reagiu a um jornal que o deu como falecido).

Nos debates, Costa encarna o único homem de Estado. Consegue oscilar entre uma imagem de bonomia complacente e a energia com que atalha os adversários, quando atingido em valores essenciais.



Costa Mark Twain Rio política partidos e movimentos eleições autoridades locais
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas