Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Paulo Fonte

Chutos e pontapés

Um lutador de MMA disfarçado de jogador de futebol e um polícia com propensão para o karaté que derruba um adepto em fuga e, sem se deter, descarrega a sua fúria.

Paulo Fonte(paulofonte@cmjornal.pt) 5 de Abril de 2017 às 00:30
Um lutador de MMA disfarçado de jogador de futebol e um polícia com propensão para o karaté que derruba um adepto em fuga e, sem se deter, descarrega a sua fúria. Este é o balanço de um fim de semana alternativo ao ludopédio, com os intervenientes a baralharem as personagens de um qualquer filme de bons e maus.

Quanto ao atleta que sabe usar o joelho não só para acariciar uma bola, nada a dizer. Por alguma razão as equipas se recusam a enfrentar a equipa da qual o futebolista fazia parte. Não é um capricho, a violência é real e é de enaltecer a coragem dos homens da arbitragem. Sabíamos que ia acontecer, só não sabíamos quando. Resta tomarem-se as medidas punitivas adequadas. E, do mesmo modo, as preventivas.

Quanto ao agente com os nervos estraçalhados que ignorou a farda que enverga, aquele despropositado conjunto de socos e pontapés só pode merecer um abanar de cabeça e uma nota negativa de quem o vai avaliar. Por muito que tenha sido injuriado – se o foi -, tem de revelar superioridade quando confrontado com estas situações. Caso contrário, só lhe resta escolher outra profissão mais adequada ao seu perfil.
Paulo Fonte opinião
Ver comentários