Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Paulo Fonte

A arte da simulação

A hipocrisia é o ato de fingir ter qualidades, ideias ou sentimentos que, na realidade, não se possui.

Paulo Fonte(paulofonte@cmjornal.pt) 22 de Junho de 2017 às 00:30
A hipocrisia é o ato de fingir ter qualidades, ideias ou sentimentos  que, na realidade, não se possui. A palavra deriva do latim ‘hypocrisis’ e do grego ‘hupokrisis’, ambos significando a representação de um ator, atuação, fingimento.

Joseph Blatter, esse mesmo, o antigo presidente da FIFA, saiu- -se agora com esta pérola capaz de fazer rebolar de riso o mais sisudo.

Disse, então, a personagem: "Deixou de haver moral desportiva, agora o futebol é negócio." O economista suíço, recorde-se para os desatentos, encontra-se suspenso de toda a atividade ligada ao desporto-rei durante seis anos por violação do código de ética da FIFA, após um pagamento em 2011, considerado ilegal, de 1,8 milhões de euros, por um alegado trabalho de consultadoria sem contrato realizado pelo antigo craque Michel Platini, nove anos antes.

"Não sou corrupto. Continuo em estado de choque", reitera Blatter, enquanto derrama lágrimas pelo "ataque ao futebol". Ponham a trabalhar o vídeo-árbitro, vão buscar o detetor de mentiras.

O homem que um dia, em Inglaterra, decidiu troçar de Cristiano Ronaldo perante uma divertida plateia, bem pode jurar com todos os dentinhos, mas será que alguém acredita.
Paulo Fonte opinião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)