Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
4
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Paulo Fonte

Porto sem margem para falhar

Os ‘contras’ estão à espera e nem mesmo do presidente se pode dizer que está a salvo.

Paulo Fonte(paulofonte@cmjornal.pt) 18 de Julho de 2015 às 00:30

Pinto da Costa joga todas as fichas na mesma casa e deposita nas mãos de Lopetegui uma equipa milionária, uns Galácticos à nossa medida. Após uma época frustrante, ao decidir segurar o técnico basco contra todas as opiniões resta apenas ao líder portista um único caminho, o de ganhar títulos para contrariar aqueles que lhe apontam uma diminuição da argúcia, uma faculdade responsável por trazer tanta glória ao clube.

Casillas, o jogador mais falado, é uma verdadeira jogada de marketing que leva o nome Oporto a todos os cantos do Mundo. Já quanto à vertente desportiva, resta saber se os adeptos não vão lamentar a substituição de Helton, excelente guarda-redes e um histórico apontado por Quaresma como dos poucos jogadores a saber em pleno aquilo que representa o peso da camisola.

O treinador tem matéria-prima, resta agora engenho para juntar as peças e conjugá-las numa equipa. Uma nova época sem ganhar equivale a uma contestação difícil de suportar. Os ‘contras’ estão à espera e nem mesmo o presidente está a salvo.

Pinto da Costa Casillas FC Porto Quaresma desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)