Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
8
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Reginaldo Rodrigues de Almeida

A cultura do risco

Não tivessem os antigos arriscado, a atualidade seria mais conservadora e ignorante.

Reginaldo Rodrigues de Almeida 30 de Outubro de 2016 às 01:45
"A sorte protege os audazes" ou "quem não arrisca não petisca" são provérbios que têm inspirado quer no desempenho da profissão ou por fazerem o que gostam, ou seja, muitos são aqueles que fazem da adrenalina uma forma de estar na vida.

Não tem necessariamente de ser uma atitude ou tarefa perigosa, digna dos filmes de ação, pode  mesmo ser a metódica rotina de um laboratório, onde a cultura do erro e o risco permitem acreditar num mundo melhor.

Tal como Rómulo de Carvalho disse: "O sonho é uma constante da vida, tão concreta e definida como outra coisa qualquer". Não tivessem os antigos arriscado, a atualidade seria mais conservadora e ignorante.
Rómulo de Carvalho risco profissão trabalho
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)