Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
3
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Magalhães e Silva

1975-2013

Em 1975, era convicção generalizada que, a breve trecho, seria instaurado, em Portugal, um regime comunista; na convicção do que muitos emigraram para o Brasil, juntando-se aos que para lá tinham ido, ou por terem estado a conspirar contra a Revolução, ou porque já não podiam usufruir do estatuto socioeconómico que o regime deposto lhes dava.

Magalhães e Silva 15 de Setembro de 2013 às 01:00

Sempre recusei esta interpretação.

Só faltava que um equilíbrio geoestratégico que tinha sido laboriosamente construído, a partir do fim da Guerra da Coreia, fosse destruído por um pequeno Estado no sudoeste da Europa!

Tratava-se, sim, de pressionar um certo rumo do processo de descolonização; e, acomodados os interesses da URRS e dos USA, tudo se normalizaria. A história confirmou-o: independência de Angola a 11 de novembro de 1975, fim da supremacia PC a 25 de novembro seguinte.

Olho, por isso, com o maior ceticismo para a grande maioria que entende que Portugal não tem na Europa alternativa negocial, como se o endurecimento da nossa posição importasse a expulsão do Euro. Ai sim? Pagava para ver.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)