Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
5
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Eduardo Dâmaso

A força das assinaturas

A petição pela criminalização do enriquecimento ilícito atingiu as quatro mil assinaturas num só dia. A ambição do CM, porém, está muito para lá disso. O que interessa é atingir um número tão expressivo de assinaturas que a transforme numa incontornável questão política para os partidos.

Eduardo Dâmaso(eduardodamaso@sabado.cofina.pt) 13 de Janeiro de 2011 às 00:30

Numa democracia que verdadeiramente dignifica a participação popular, o Parlamento não poderá ignorar um documento com estas características, que seja assinado por várias dezenas de milhares de portugueses. Um documento com um mandato expresso ao legislador, para que contemple a criação do novo tipo de crime, e um outro, simbólico, para que olhe muito mais a sério para todos os problemas adjacentes, como a colocação de bens em paraísos fiscais, o confisco de património obtido de forma ilegal e muitas outras questões.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)