Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
7
28 de Dezembro de 2007 às 00:00
SIM
Mais do que prejudicar a CGD, a saída de Santos Ferreira prejudica a imagem de todo sistema bancário. A crise do BCP transformou-se numa novela de mau gosto, que mostra que a alta finança em Portugal funciona como tudo o resto: com quintas, barões que põem e dispõem e políticos a meterem o nariz onde não são chamados. Deprimente.
José Carlos Marques, Subeditor de Portugal
NÃO
Haveria decerto melhores entradas em 2008 do que a saída do seu presidente para o banco privado que tenta roubar-lhe a liderança do mercado mas, tal como o homem das castanhas cantado por Carlos do Carmo, a Caixa Geral de Depósitos é eterna. Até já sobreviveu à passagem de Armando Vara pelo conselho de administração.
Leonardo Ralha, Editor de Sociedade
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)