Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
1
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

João Vaz

Bordéis

A deputada Chantal Brunel, porta-voz da UMP, partido de Sarkozy, propôs à Assembleia Nacional francesa que reconhecesse a existência da prostituição e estudasse a criação de locais onde seja possível comprar serviços sexuais. França acabou com as chamadas ‘maisons closes’ na altura da libertação no fim da Segunda Guerra Mundial 1939/45. Hoje há 60% a favor da reabertura. Foi também a UMP que em 2003 proibiu às prostitutas o ‘engate’ na via pública.

João Vaz 7 de Abril de 2010 às 00:30

EDUCAR

O ministro britânico das Escolas, Infância e Família, Ed Balls, afirmou que "os professores têm poder para usar da força física no controlo do mau comportamento dos alunos". Ao falar numa conferência sindical, adiantou que eles "não devem recear sanções" quando agem para educar.

CHICAGO

Com umas 10 mil câmaras de vigilância e sobretudo uma coordenação como não existe em mais lado nenhum, Chicago, nos EUA, está satisfeita com o seu ‘Big Brother’. Desde 2006, foram presos 4 mil criminosos com pistas dadas pelas câmaras.

ALIANÇA

A Renault-Nissan e a Daimler da Mercedese Smart anunciam hoje uma aliança que incidirá sobre as gamas de carros pequenas e aponta uma estratégia global.

1 028 000

Bilhetes para jogos do Mundial de Futebol estão por vender.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)