Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
6
11 de Outubro de 2005 às 00:00
SIM
Pouco mais de seis meses bastaram para que o Governo de José Sócrates deitasse por terra todas as expectativas nele depositadas nas eleições de Fevereiro. Domingo, o Executivo viu um cartão amarelo que, tudo parece indicar, poderá repetir-se nas presidenciais transformando-se, então, num vermelho. E antes que tal aconteça, o melhor é mesmo tomar medidas preventivas.
Fátimas Vilas-Bôas, Editora de Cultura & Espectáculos
NÃO
O Governo não pode ser gerido como se se tratasse de um clube de futebol, em que para ultrapassar as derrotas o presidente muda de treinadores e, como se sabe, poucas vezes as ‘chicotadas’ resultam. Se passados pouco mais de seis meses, José Sócrates, fizesse alguma remodelação, o Governo pouco ganharia e o primeiro-ministro teria dificuldades acrescidas em recrutar bons quadros para o lugar.
Armando Esteves Pereira, Editor Executivo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)