Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
7
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

César Nogueira

Dinâmica do protesto

O protesto de profissionais da GNR desta semana foi a materialização de uma justificada indignação. É de louvar a coragem e determinação de todos os que ergueram a voz pelos seus direitos e daqueles que não o puderam fazer por estarem de serviço.<br/><br/>

César Nogueira 28 de Outubro de 2012 às 01:00

Mas não é tempo de arrumar já as armas, porque esta é uma guerra ainda longe do fim e são muitas as batalhas ainda a travar.

Exigir condições de vida e serviço com dignidade é algo que parece estar ausente de tudo quanto são decisões governativas pelo que, naturalmente, esta acção é apenas uma etapa de um processo reivindicativo que se impõe como urgente.

Desengane-se a tutela, não desistiremos de defender os nossos direitos, de exigir o dinheiro que nos é devido, de reclamar o direito à promoção, a um horário, de lutar contra uma proposta de Orçamento do Estado avassaladora naquilo que é a absoluta exploração do rendimento das famílias, que apenas ataca direitos – veja-se a passagem à reserva e reforma!

A APG estará ao lado dos profissionais, reclamando o futuro a que temos direito.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)