Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
3
27 de Novembro de 2006 às 00:00
SIM
As escolas não podem continuar sob a gestão e a direcção de professores eleitos por colegas. São escolhidos os mais capazes? Em boa parte dos casos, não! Os votos, aqui, tendem quase sempre para os que menos exigem. A gestão das escolas deve ser entregue a gestores e a direcção a professores – uns e outros nomeados pelo Ministério da Educação.
Manuel Catarino, Editor de Portugal
NÃO
Todos teríamos a ganhar se as escolas fossem encaradas como empresas e o serviço que prestam devidamente valorizado, quer do lado da oferta quer do da procura. É precisamente por isso que se justifica uma maior diferenciação dos líderes das escolas: devem continuar professores e obter formação em gestão. E não podem, é obvio, depender do voto dos colegas.
João Ferreira, Editor de Sociedade
Ver comentários