Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Armando Esteves Pereira

Em mau estado

O Estado português está em mau estado. Gastador, endividado e mal gerido, tornou-se o principal entrave ao dinamismo económico.

Armando Esteves Pereira(armandoestevespereira@cmjornal.pt) 15 de Julho de 2010 às 00:30

Sem crescimento do PIB não há criação de emprego. E o desemprego é o principal drama social deste país. Os números oficiais do IEFP dizem que há cerca de 550 mil pessoas sem trabalho, mais 62 mil que em igual período do ano anterior. A realidade é ainda mais negra, porque há dezenas de milhares de pessoas sem emprego fora das estatísticas.

O buraco financeiro do Estado obrigou a um plano de austeridade que trava a economia e aumenta o desemprego. Por outro lado a má fama corta o financiamento e dispara o custo do dinheiro para empresas e famílias.

Portugal perdeu a primeira década do novo milénio por causa dos desequilíbrios financeiros do Estado. A segunda década pode ser ainda pior. O País pode asfixiar-se neste terrível nó górdio.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)