Barra Cofina

Correio da Manhã

Opinião
1
19 de Dezembro de 2002 às 01:24
SIM

Para atrair os profissionais mais competentes é preciso dar-lhes condições. Esta é a filosofia do sector privado. Se o Estado quer cativar os melhores gestores, que certamente lhe trarão bons resultados a médio prazo, tem que os remunerar bem. É que estamos a falar de uma categoria de pessoas que, pela sua capacidade e competência não está dependente de “favores políticos” para manter o emprego. Só esta vantagem, nos dias que correm, não tem preço.

Miguel Alexandre Ganhão
Editor Economia

NÃO

O que ganham alguns gestores públicos chega a ser um insulto a quem trabalha no duro e chega a meio do mês de carteira vazia. Do mesmo modo, o salário dos ministros é absolutamente ridículo comparado com a responsabilidade que carregam sobre os ombros. Por isso temos tido tão maus ministros e tantos à espera de um lugar ao sol numa qualquer empresa pública. Tem de haver um equilíbrio. Quando o empregado ganha mais que o chefe, há qualquer coisa que não está bem.

Paulo João Santos
Editor Sociedade
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)